sábado, 16 de janeiro de 2010

Mais uma aula pra esquecer e um peso de presente


Desde sexta -feira que ando com os nervos em franja, tive uma aula de condução que pensava que me tinha corrido bem mas afinal o instrutor disse que sustos como estes não tá interessado em passar.

Depois  pensei que o meu crido não se importava e convidei o meu tio zé para ver como eu já conduzia bem, para isso peguei na chave do carro do Carlos e quando já estava quase a arrancar, o meu crido veio aos gritos pedir-me por favor para eu sair, fiquei tão triste que ele prometeu-me uma surpresa nessa noite. Toda contente , disse-lhe para tomarmos um café em minha casa antes de irmos pró cinema.

Tava tão animada quando ele entrou... ainda por cima com um presente e uma garrafa de vinho na mão(eu não gosto muito de beber, mas uma pinguita não faz mal), tava tudo a correr bem até á altura em que vi o presente... um colar pesadão que não combina com nada, que desilusão... mas a intenção dele foi boa, embora ainda não tenha acertado em nenhum(ou quase nenhum ) dos meus gostos.


Bem mas hoje o dia está a ser mais calmo, a minha amiga Lena vai casar-se daqui a algum tempo e pediu-nos ajuda com os convites, o tio Zé quis ser simpático em ajudar mas fez logo asneirada, andava a lamber os envelopes como se fossem para ir pró correio, estragou logo meia dúzia

11 comentários:

Girl in the Clouds disse...

Crida, as tuas histórias são fantásticas, farto-me de rir!!

Cláudio disse...

Muito bom o teu blog é um maximo mesmo :D

Trinca-Espinhas disse...

Apesar de tudo, parece que o teu crido gosta muito de ti!
A primeira prenda que eu recebi do meu namorado foi uma pulseira de prata com uns pindericalhos que eram uns corações todos torcidos. Eu fiquei... Depois vim a saber que foi a mãe dele que aconselhou-o na compra...ehehehhe
Kiss

Nuno Medon disse...

Olá! Quando tiveres a carta, nem bebas uma " pinga sequer " em antes de conduzir, mesmo que á partida penses que aquilo não acusa. Uma amiga dos meus primos, em Lousada, bebeu um cálice pequeno de uma bebida alcoólica... O que é certo é que aquilo não dava para acusar, mas acusou porque a amiga dos meus primos, não tinha comido nada em antes... portanto muito cuidado com o álcool... quanto ao teu namorado, tens que o "domesticar" para que ele acerte nos teus gostos. Quanto ao Tio Zé, tens que lhe oferecer um tubo de cola. beijos e um bom fim de semana!

Oscar Tomé disse...

fantástico, como sempre... muito divertido

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Crida
Desculpe-me pela ausência, estava viajando de férias para descansar. Voltei
Obrigado pelo carinho
Beijos

Bomboca do Amor disse...

Deixa lá, a intenção do crido era a melhor! Para a próxima vais ver que ele acerta. Beijinhos,
Bomboca do Amor.

(Apollo_onze) disse...

Bem... para uma pessoa tão melancólica como eu, acho que encontrei o blogue ideal para tentar uma vez por outra contrariar este meu péssimo feitio. Os meus parabéns por ser alguém muita divertida e consequente muito feliz. E alguém disse um dia (não me recordo quem) "que a maior felicidade que nós podemos sentir é quando sabemos que fazemos os outros felizes".

Mil poéticos e sorridentes beijinhos.

Cláudio J. Gontijo disse...

Crida.
Sua página é criativa, de múltiplas expressões.
Ótimo !!

Obrigado por colocar-se em minha página !

Austri Junior disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Austri Junior disse...

Olá Crida!
Parabéns pelo teu blog e pelas histórias. São ótimas, divertidas, maneiras e fantásticas. Tudo isso e muito mais...

Como brasileiro ( não vale fazer piada, heim) fiquei "viajando":o que é "CRIDA/CRIDO"?
Voltarei para saber a resposta.
Abraços e Paz, hoje e sempre!